• Assessoria de Imprensa

Sumitomo inaugura fábrica no Paraná



A Sumitomo Rubber Industries, multinacional japonesa que fabrica os pneus Dunlop e Falken, inaugurou no Paraná a sua primeira indústria fora da Ásia, resultado de um investimento de R$ 750 milhões e a geração de 1.500 empregos. A Sumitomo é mais uma importante conquista do Programa Paraná Competitivo. O governador Beto Richa e o presidente mundial da Sumitomo, Ikuji Ikeda, participaram da inauguração da fábrica em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba.


"Esta é mais uma grande empresa que se instala no Paraná e confirma a nova realidade do nosso Estado, com prosperidade, desenvolvimento e oportunidades de empregos em todas as regiões", disse o governador, acrescentando o caráter social do empreendimento, com a criação de empregos, garantindo renda e oportunidades para os trabalhadores locais. Além disso, a empresa pretende ampliar a compra de matéria-prima produzida no Paraná, o que resultará em mais empregos indiretos.

O presidente da Sumitomo, Ikuji Ikeda, afirmou que o apoio e o suporte do governo estadual foram indispensáveis para a decisão da empresa em investir no Paraná. "Agradeço de coração por todo o apoio que nos foi prestado. Seremos um ponto importante para o desenvolvimento econômico e social do Paraná", disse ele. "Seremos uma das maiores empresas na colaboração de geração de renda, desenvolvimento e prosperidade para o Paraná", acrescentou o presidente da Sumitomo no Brasil, Ippei Oda.

Para o Secretário da Fazenda do Paraná, Luiz Carlos Hauly, a instalação da Sumitomo, a exemplo de outras grandes indústrias, é a comprovação de que o Paraná é hoje um Estado que oferece todas as condições para receber importantes investimentos, pois além do incentivo criou um ambiente favorável para os negócios, com credibilidade e segurança jurídica.

PRODUÇÃO


Inicialmente serão produzidos dois mil pneus por dia. A capacidade da fábrica é de produção de 15 mil pneus/dia - volume que a empresa espera alcançar até 2015. De acordo com Renato Baroli, diretor de Marketing e Vendas da Sumitomo no Brasil, a empresa espera ocupar 10% do mercado de pneumáticos até 2020.

Marco Túlio Dilelio, diretor de Logísticas da empresa revelou que quatro montadoras já acertaram parceria com a Dunlop. Segundo ele, o polo automotivo paranaense contribui muito para a vinda da marca ao Paraná. "Estamos próximos a duas grandes montadoras e isso facilita a logística. Esse fortalecimento do polo automotivo paranaense é essencial", afirmou.

Os japoneses também estudam a fabricação de pneus de cargas no Brasil. Dilelio revelou que já há projeto em estudo. A linha de montagem seria implantada na mesma unidade fabril. "Temos área suficiente e seria uma continuação da linha de montagem. Adquirimos uma área desse porte pensando já na própria expansão da empresa", disse.

POLO AUTOMOTIVO


O governador Beto Richa deu destaque ao crescimento do setor automotivo no Paraná que, segundo ele, se concretiza como um dos maiores polos automotivos do país. Richa citou outros investimentos do setor no estado, como a inauguração da fábrica da Paccar em Ponta Grossa, o anúncio, da alemã Audi, que formalizou o investimento de R$ 504 milhões para retomar a produção do A3 e do utilitário esportivo Q3 no Paraná.

Somam-se ainda a Renault, Volvo, Fiat, Catterpillar, Nissan, Case New Holland e o amplo parque de fornecedores e fabricantes de peças localizado principalmente em Curitiba e Região Metropolitana. Dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) apontam que o polo automotivo do Paraná respondeu por 15,4 % da produção brasileira em 2012. O resultado foi quase quatro pontos percentuais superiores ao de 2010.

0 visualização0 comentário