• http://www.aen.pr.gov.br/

Richa comunica a Dilma Rousseff investimento da Renault no Paraná


O governador Beto Richa reuniu-se com a presidente Dilma e o presidente mundial do grupo Renault-Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn, em Brasilia, neste sábado (1/10). No encontro, Richa e Ghosn comunicaram à presidente as intenções da Renault em ampliar a produção de veículos na fábrica instalada em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.. (Brasília - DF, 01/10/2011).Foto: Roberto Stuckert Filho/PR


O governador Beto Richa reuniu-se com a presidente Dilma Rousseff e o presidente mundial do grupo Renault-Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn, em Brasilia, neste sábado (1/10). No encontro, Richa e Ghosn comunicaram à presidente as intenções da Renault em ampliar a produção de veículos na fábrica instalada em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.


O protocolo de intenções será assinado na próxima quarta-feira (5), no Palácio das Araucárias, em Curitiba, com a presença dos executivos mundiais e integrantes da direção da montadora no Brasil. A Renault está aderindo ao programa Paraná Competitivo, que contempla uma série de medidas de incentivos ao setor produtivo e melhoria da infraestrutura, para tornar o Paraná atrativo para novos investimentos que gerem emprego, renda, riqueza e desenvolvimento sustentável.


O governador disse à presidente que o Paraná criou um programa de incentivos inovador, que colocou o estado de volta na rota dos investidores, e que o governo está aberto ao diálogo com o capital produtivo, na busca por investimentos que geram riquezas e oportunidade de emprego para os paranaenses. Os detalhes da negociação com a Renault foram discutidos em um encontro de Richa com a direção mundial da montadora, em Paris, há pouco mais de um mês.


“A Renault hoje é o maior investimento que estamos para anunciar nesse período, a exemplo de várias outras empresas que chegaram, com investimentos um pouco menores, mas que já somam mais de R$ 7,5 bilhões e outros R$ 15 bilhões estão em negociação com o nosso governo”, disse Richa. “Ficamos muitos anos represados, por falta de um programa ambicioso de incentivos fiscais, de diálogo. Hoje temos uma nova visão em relação ao aproveitamento do bom momento que vive a economia brasileira e do grande interesse do mercado internacional em investir no nosso país e a Renault é muito bem vinda”, disse o governador.


Carlos Ghosn disse que a reunião com a presidenta foi para informá-la do programa de expansão do grupo no Brasil e da atuação da Renaut-Nissan no mundo. “Explicamos o que estamos fazendo em muitos países em termos de tecnologias novas e sobre nossa liderança no desenvolvimento de carros elétricos”, disse ele.


O encontro teve a participação do presidente da Renault do Brasil, Jean-Michel Jalinier, e do diretor de relações institucionais da empresa, Antônio Calcanhoto, do secretário de Estado da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, do secretário chefe do escritório do Paraná em Brasília, Alceni Guerra, do ministro da Ciência e Tecnologia e Inovação, Aloizio Mercadante, e do prefeito de São José dos Pinhais, Ivan Rodrigues.




0 visualização0 comentário