• Assessoria de Imprensa

Paraná já liberou mais de R$ 3 milhões para taxistas


Lançada há menos de um ano pelo Governo do Paraná, a linha de crédito Banco do Empreendedor – Taxista, da Fomento Paraná, ultrapassou em outubro a marca de R$ 3 milhões em financiamentos. São mais de 100 contratos ativos. Outros 80 estão em contratação.

As operações beneficiam profissionais de 13 diferentes municípios — Curitiba, Araucária, Cascavel, Colombo, Foz do Iguaçu, Guaratuba, Lobato, Londrina, Maringá, Paranaguá, São José dos Pinhais, Telêmaco Borba e Três Barras do Paraná.

“A categoria dos taxistas é fundamental para o transporte nas cidades. Facilitar o acesso ao crédito para esse segmento é uma forma de fortalecer o setor e assegurar a qualidade no atendimento ao público, além de melhorar os serviços e o transporte de passageiros”, afirma o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa.

MELHORIAS – O maior atrativo da linha de crédito é a baixa taxa de juros. Bom atendimento, agilidade na concessão do financiamento e condições adequadas para pagamento também são fundamentais para os taxistas.

“Fui muito bem atendido. Desde a primeira impressão, com a van da Fomento Paraná no aeroporto, até o pessoal do cadastro e de análise da operação”, conta Airton Pereira de Andrades, de 54 anos, taxista e vice-presidente do sindicato da categoria em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, município que já possui 28 operações contratadas nessa linha de crédito.

Quando decidiu trocar o veículo, com o qual prestava serviços na região, percebeu que só poderia adquirir um modelo mais simples devido ao preço até conhecer a linha Banco do Empreendedor - Taxista. “Em termos de custo, a linha de crédito é muito atrativa. Foi pela taxa de juros reduzida que consegui comprar um carro mais completo, de maior valor”, diz Pereira, que adquiriu um Honda City.

Marlon Thiago Kreusch, de 27 anos, conta que quando assinou o contrato foi surpreendido positivamente. “Pra dizer a verdade, nem tem juro no financiamento. A parcela é menor do que eu esperava”, conta o taxista, que também atua em São José dos Pinhais. Para ele, pagar menos por mês significou uma mudança de vida. “Com uma parcela menor do carro, eu e minha esposa encaixamos outro financiamento na nossa renda. Saímos do apartamento e conseguimos comprar uma casa para a família”, conta Kreusch. BANCO DO EMPREENDEDOR TAXISTA - A linha de crédito Banco do Empreendedor Taxista é destinada a financiar a aquisição de veículos novos para a prestação de serviços de táxi; para conversão de motores para uso de Gás Natural Veicular (GNV), ou ainda a adaptação do automóvel para transporte de passageiros com necessidades especiais. É possível financiar valores entre R$ 3 mil e R$ 50 mil, com taxa de juros a partir de 0,55% ao mês, conforme o enquadramento de cada processo. Os prazos para pagamento são de até 60 meses, com carência de até 75 dias para a primeira parcela.

Podem solicitar o financiamento pessoas físicas, titulares de autorização, permissão ou concessão registradas nos órgãos municipais que regulam a atividade. A expectativa é atender cerca de 20 mil permissionários de táxis no Estado e as taxas de juros serão reduzidas para profissionais que nos últimos cinco anos participaram de algum dos seguintes cursos de capacitação: Bom Negócio Paraná, Bom Negócio Curitiba, Bom Negócio Araucária ou das capacitações do Curso Taxista Nota 10 ou capacitação Taxista Empreendedor.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo